Blog da KondutoDestaquesDicas de e-commerceFeaturedVeja também

Plataforma de E-commerce: 8 melhores

Por 26 de dezembro de 2022 Nenhum comentário
Plataforma de e-commerce

Os e-commerces brasileiros têm se destacado mundialmente ao tornarem-se líderes do setor na América Latina, apresentando um crescimento expressivo e constante. Assim, as vendas online são um prato cheio para novos empreendedores em busca de oportunidades. 

Mas como começar um negócio no mundo digital? Você pode estar se perguntando. São muitas decisões a serem tomadas e uma das principais e mais importantes é a escolha da plataforma de e-commerce mais adequada para o seu modelo de empreendimento. 

Afinal, assim como em uma loja física, a plataforma de e-commerce é um dos fatores que determinam como será a experiência de compra do cliente, além de influenciar diretamente sobre a gestão das vendas. 

Se você entrou nessa empreitada, mas ainda não encontrou muito bem o caminho para realizar este projeto, podemos ajudar você com algumas ideias e dicas para escolher entre os diferentes tipos de plataforma de e-commerce e iniciar um novo negócio no digital com o pé direito! 

 

Confira o que preparamos neste artigo: 

  • O que significa plataforma e-commerce? 
  • Como funciona a plataforma de e-commerce? 
  • Qual é a melhor plataforma de e-commerce? 

 

O que significa plataforma de e-commerce? 

Uma plataforma de e-commerce é, basicamente, um sistema para criação e gerenciamento de lojas virtuais. Ele torna mais simples o caminho para quem quer ter seu próprio site, mas não tem os conhecimentos técnicos de um desenvolvedor. 

Antes das plataformas de vendas online existirem, para ter uma loja na internet e vender seus produtos, era necessário desenvolver um site do zero e contar com uma equipe para gerenciar o e-commerce. Mas essa realidade vem mudando com o surgimento de tecnologias que oferecem soluções cada vez mais práticas e intuitivas. 

Outro detalhe importante que vale ressaltar é que e-commerce e marketplace não são a mesma coisa. Enquanto no primeiro você vende seus produtos sozinho no seu site e com toda a autonomia. No segundo, seu negócio estará dentro de um site ao lado de outras centenas de lojas. 

Como funciona a plataforma de e-commerce? 

O funcionamento pode variar bastante dependendo do tipo de plataforma de e-commerce escolhida, do provedor contratado, do plano selecionado na contratação do serviço, entre outros fatores. 

Resumidamente, uma boa plataforma de e-commerce permite que você: 

  • Organize e apresente um catálogo de produtos; 
  • Realize a gestão do estoque; 
  • Disponibilize opções de frete; 
  • Gerencie vendas de forma dinâmica; 
  • Integre meios de pagamento; 
  • Implemente otimizações para os mecanismos de busca; 
  • Execute estratégias promocionais. 

 

A depender da plataforma escolhida, é possível contar com sistemas de gerenciamento de dados e business intelligence para conhecer e entender a fundo o comportamento do consumidor. Além disso, algumas opções ainda oferecem ferramentas adicionais para automação de campanhas de marketing. 

Portanto, as plataformas para vendas online permitem mais do que apenas disponibilizar seus produtos na web, sendo possível gerenciar pedidos, promoções, vendas e dados complexos do seu público. Como uma espécie de painel de controle do seu negócio. 

 

Qual é a melhor plataforma de e-commerce? 

Essa é uma pergunta muito importante, mas não existe uma resposta certa ou errada. Isso porque, cada negócio terá características e necessidades específicas. 

Assim, vale conhecer os diferentes tipos de e-commerce disponíveis no mercado para descobrir qual pode funcionar melhor para o seu modelo de negócio. Confira a seguir a nossa seleção com algumas das melhores plataformas de e-commerce. 

 

1- Shopify 

Fundada em 2004, a empresa canadence oferece inúmeras funcionalidades em sua plataforma. Começando pelo básico, você tem uma vitrine para expor seus produtos, um processador de formas de pagamento, parceiros de frete, ferramentas de gerenciamento de marketing, além de templates para criar o visual da sua loja. 

Se você entende um pouco de programação, na plataforma ainda é possível criar soluções personalizadas para a loja e aplicá-las diretamente no código.   

 

2- Tray 

Empresa brasileira fundada em 2005, a Tray oferece uma plataforma com um leque de soluções bastante completo para atender diferentes segmentos do mercado.  

Além das funcionalidades básicas, a ferramenta disponibiliza ainda o Google Analytics, intermediadores de pagamento, comparadores de preço, sistema dropshipping, além de infinitas possibilidades de integrações com redes sociais e plataformas de anúncio. 

Um diferencial da Tray é que ela também possui integração com os principais marketplaces do mercado, como Amazon, Mercado Livre e Kanui. 

 

3- WooCommerce 

Se você ainda está estudando as possibilidades para criação da sua loja virtual e tem o WordPress no radar, o WooCommerce pode ser uma boa opção. Ele é uma espécie de plugin de código aberto que pode ser instalado em qualquer site desenvolvido no WordPress. 

O WooCommerce é gratuito e, associado ao WP, oferece todas as funcionalidades básicas de uma plataforma de e-commerce. E ainda é altamente customizável, permitindo integrações com sistemas de pagamento e outros. 

 

4- Bagy 

A Bagy é uma plataforma de e-commerce focada em atender e profissionalizar pequenos empreendedores que nunca tiveram uma loja virtual. Inclusive, ela possibilita que você acompanhe tudo a partir de um aplicativo de celular. 

Assim, ele é extremamente simples de mexer. E não deixa de oferecer todas as funções básicas, como catálogo de produtos e integrações variadas. 

 

5- Magento (Adobe Commerce) 

A Magento é uma plataforma de e-commerce que foi adquirida pela Adobe em 2018. Como resultado da fusão, nasceu a nova plataforma Adobe Commerce em 2021.  

Seu sistema de código aberto, baseado em PHP e MySQL, oferece suporte para grandes lojas virtuais. É uma solução customizável, pensada para atender médias e grandes empresas. Como diferencial, a plataforma ainda conta com alto nível de segurança e configurações já pensadas para oferecer o melhor desempenho em SEO

 

6- Nuvemshop 

Com mais de 100 mil lojas ativas, a Nuvemshop é uma plataforma de e-commerce brasileira com soluções para criação de lojas virtuais para pequenas e médias empresas.  

A plataforma oferece integrações básicas como redes sociais e meios de pagamento, e mais avançadas, com marketplaces e até lojas físicas. Outro ponto interessante é a variedade de layouts disponíveis para customizar a loja.  Um diferencial da Nuvemshop é a oferta de um plano gratuito para iniciantes, com estoque ilimitado de produtos. 

 

7- Loja Integrada 

Uma plataforma simples e fácil de mexer, sendo ideal para quem quer trazer seu negócio para o digital. A Loja Integrada também oferece um plano básico gratuito, mas se você quiser interações mais complexas, precisará acessar a loja de aplicativos para integração. 

No plano gratuito, você pode ter até 50 produtos e 5 mil visitas, assim, pode ser uma boa opção para quem está começando e quer testar seu modelo de negócio sem um alto custo de operação e muitos riscos. 

 

Pronto para se tornar um empreendedor digital? 

 Depois de ver todas essas dicas para escolher a melhor plataforma de e-commerce para o seu negócio, parece que você está pronto para iniciar sua jornada no mundo do empreendedorismo digital. 

 E lembre-se, nossos especialistas estarão sempre disponíveis para atender você e o seu e-commerce, oferecendo sempre as melhores e mais tecnológicas soluções para o seu negócio. 

 Confira agora outros conteúdos que podem ajudar você a construir uma trajetória de sucesso no e-commerce: 

 

 

Konduto

Autor Konduto

O blog da Konduto reúne os melhores conteúdos para quem combate a fraude online. Dicas e artigos sobre a análise de risco para melhorar os resultados do seu negócio.

Mais posts de Konduto

Deixe um comentário