AnúnciosBlog da Konduto

Vendas on-line no Brasil caíram até 36% durante a greve dos caminhoneiros

Por 4 de junho de 2018 junho 12th, 2018 Nenhum comentário

A greve dos caminhoneiros, que gerou impactos relevantes por todo o País nas últimas semanas, também refletiu no e-commerce nacional. Decidimos levantar alguns dados sobre o assunto e percebemos que as lojas virtuais brasileiras registraram uma queda de até 36% nas vendas durante o período!

Nosso estudo levou em consideração uma amostragem de 13 milhões de transações on-line, entre 2 de abril e 3 de junho de 2018. Nós analisamos somente pedidos de produtos físicos, que necessitam de entrega a domicílio ou retirada em loja. Isso quer dizer que compras de serviços virtuais ou assinaturas digitais, que possuem liberação automática, não foram incluídas na análise, ok?

Queda nas vendas

Apesar de a greve oficial dos caminhoneiros ter sido iniciada oficialmente em 18 de maio, as vendas on-line no Brasil passaram a despencar na quarta-feira, dia 23 – dia em que os bloqueios em estradas começaram a causar transtornos no País, e até aeroportos alegaram que voos poderiam sofrer alterações e cancelamentos em decorrência da falta de combustível. Neste dia, as transações no e-commerce caíram 12% em comparação com a média das quatro quartas-feiras anteriores.

Entre quinta e sexta-feira, enquanto os caminhoneiros cruzavam os braços e as Forças Armadas saíam às ruas sob ordens do governo, os pedidos no e-commerce despencavam. Os dias de maior queda foram 24 e 25 de maio: de acordo com a Konduto, as vendas on-line diminuíram em 30% e 36% nestes dias, respectivamente, em comparação com quintas e sextas-feiras “comuns” no e-commerce.

Considerando o período mais crítico da greve, entre 23 e 30 de maio, as lojas virtuais amargaram uma queda de 32% no número total de pedidos.

Outros números

Não é só a Konduto que está mostrando os impactos da greve dos caminhoneiros sobre o comércio eletrônico brasileiro. Segundo a Loja Integrada, plataforma de e-commerce pertencente ao grupo VTEX, mais de 83% dos lojistas perceberam uma queda notável nas vendas on-line durante a paralisação. Estima-se que as lojas virtuais tenham deixado de faturar mais de R$ 407 milhões ao longo dos 11 dias de paralisação, de acordo com a Ebit.

Por que as vendas diminuíram?

Há duas causas principais para este acontecimento.

A primeira explicação é mais lógica: por conta da paralisação dos caminhoneiros e dos bloqueios em rodovias por todo o Brasil, os fretes encareceram ou tiveram um prazo super estendido. Portanto, no caso de uma compra urgente ou de alta necessidade, os clientes acabam optando por ir a uma loja física – caso encontrassem o produto por lá.

Já a segunda causa para a queda nas vendas leva em consideração o comportamento geral da população. Em um momento mais crítico, como o que vivenciamos, o consumidor acaba entrando em um “modo de segurança” e acaba “apertando o cinto”. Ou seja: ele prefere não tomar decisões de compra enquanto o cenário não se estabilizar novamente.

E agora?

A boa notícia depois de todo o caos que vivenciamos nas últimas duas semanas é que devemos ter uma retomada nos negócios nesta semana. Encerrada a greve dos caminhoneiros e passado o feriado de Corpus Christi, o comércio eletrônico nacional deve se reaquecer a partir desta semana. Afinal de contas, o Dia dos Namorados e as férias estão logo aí! Sem falar o clima de Copa do Mundo…

Sobre a Konduto

Somos a primeira empresa do mundo a considerar o comportamento de navegação e compra do usuário em um site de e-commerce para calcular o risco de fraude em uma transação. Nosso sistema utiliza todas as técnicas tradicionais da análise de risco (validação de dados cadastrais, revisão manual, fingerprint, geolocalização) e ainda conta com filtros de inteligência artificial. Essa combinação é capaz de aumentar consideravelmente a precisão do antifraude e beneficia a operação do lojista.

Nossos cases de sucesso mostram que a Konduto tem a mais moderna e eficiente tecnologia para barrar fraudes on-line. Temos clientes de todos os segmentos do e-commerce e somos reconhecidos pela imprensa e pelo mercado de tecnologia como uma das empresas brasileiras mais inovadoras do setor.

Entre em contato conosco no e-mail oi@konduto.com e nos diga como a Konduto pode ajudar o seu e-commerce!

Felipe Held

Autor Felipe Held

Maratonista, palmeirense, beatlemaníaco e enciclopédia de piadas do Chaves, Felipe também é Head de Comunicação e Marketing da Konduto. Jornalista pela Cásper Líbero e pós-graduado em marketing pela ESPM, trabalhou em redações esportivas de Gazeta, UOL e Terra antes de entrar para o time do melhor antifraude do e-commerce em 2015. Já entrevistou Pelé, Maria Esther Bueno, Guga, Guardiola e Bernardinho, mas o dia mais incrível da carreira foi quando apresentou o Fraud Day.

Mais posts de Felipe Held