Blog da KondutoQuem faz a Konduto

Camila: a office manager que literalmente mudou a Konduto (mais de uma vez)

Por 30 de janeiro de 2020 janeiro 31st, 2020 Nenhum comentário

A Camila Calazans pode falar para todo mundo ouvir que fez a Konduto mudar. Literalmente. Afinal, desde que ela chegou ao time, em março de 2017, a nossa office manager viu a empresa saltar de pouco mais de 10 para quase 100 funcionários – e por isso passar por três endereços diferentes.

Camila é a protagonista do novo episódio da série Quem Faz a Konduto, na qual contamos as histórias dos membros da equipe do melhor antifraude do Brasil. Além de dividir os bons momentos (e alguns perrengues) que vivenciou nesta transformação da empresa, a office manager conta que já se arriscou no rock pesado e que descobriu de um jeito inusitado uma festa surpresa que estava sendo preparada para ela mesma.

Agora é com você, Camila!

Como você veio parar aqui?

Posso dizer que caí aqui meio de paraquedas. Tenho certeza de que vi a vaga no Linkedin, mas o Tom (Canabarro, cofounder) acha que não postaram lá. E era uma vaga de office manager, algo que eu nunca havia sido. Mas eu fui secretária de uma grande rede varejista por sete anos e vi que tinha muitas das atribuições da vaga. Como estava há um ano no mercado, decidi me candidatar para ver o que iria dar. Fui fazer a entrevista no escritório da Avenida 9 de Julho, com o próprio Tom, e saí pensando que queria muito trabalhar aqui. Para minha alegria, rolou o match. Pelas minhas contas, fui a funcionária número 13 da Konduto. A nossa mesa estava começando a crescer e o escritório estava pequeno. Entrei já com a missão de comandar a mudança para um maior, algo que nunca tinha feito.

Este foi um dos seus maiores desafios na Konduto?

Sim, pois foi logo que cheguei e havia uma grande expectativa. Todos queriam trabalhar em um lugar com mais opções ao redor, um acesso melhor… Foi difícil, mas foi gostoso. Definiram mais ou menos o local que queriam e eu apostei tudo na região da Avenida Paulista, que no fundo era o local que eu queria. Deu certo e fomos para a esquina da Avenida Angélica.

No dia da mudança, ficamos até as 22h arrumando as máquinas e organizando tudo. Comprei também lixeiras e materiais de escritório em uma loja da Paulista, só que nosso CNPJ ainda era a casa do Tom. Bem, eu só soube disso em cima da hora e os produtos não poderiam ser entregues lá. Aí deixamos o RG do Felipe (Held, head de marketing) lá na loja, pegamos uns carrinhos e começamos a levar tudo a pé pela avenida. Uma correria danada, mas deu certo.

Outra coisa é que a reforma ainda estava terminando, então no começo todos tinham que sair seis da tarde em ponto para cobrirmos os móveis e o pessoal da obra dar continuidade. Depois a equipe cresceu tanto que teve mais uma mudança, agora para a Bela Cintra, onde nós estamos. Esta mudança foi mais tranquila, aqui já estava tudo pronto quando chegamos (risos).

E quais conquistas você destaca neste período conosco?

Para mim, foram dois momentos muito marcantes. O primeiro foi a rodada de investimento do Criatec, o fundo que nos aporta. Aquilo trouxe uma sensação de que tinha muita gente acreditando na gente e foi muito legal. Teve até uma festa no escritório.

Um segundo momento que considero sensacional foi o Fraud Day. Eu olhei aquilo acontecendo e falei: caramba, eu trabalho aqui e meu trabalho de alguma maneira foi importante para chegarmos até aqui. Senti um orgulho muito grande. Um evento daquele porte, a Konduto com autoridade para falar a todo o mercado e sendo reconhecida, com entradas esgotadas e muito mais gente que queria ir. Foi muito legal ver isso acontecer.

O que te motiva a seguir empenhada no nosso projeto?

Tenho orgulho da Konduto. Me identifico com as pessoas que estão aqui e a forma como a empresa é. Aquela coisa sem frescura mesmo, e não é para inglês ver. Todas as pessoas são respeitadas da forma que são. Todos se ajudam. Foi um impacto muito positivo desde o momento em que eu cheguei. Vale a pena trabalhar aqui.

Fun Facts da Camila

  • Camila mora em Mauá, e quem acha que isso dificulta a vinda da nossa office manager para o escritório da Konduto na região central de São Paulo se engana. “O pessoal brinca que lá é terra de índio e de certa maneira é, porque lá inclusive tem uma reserva indígena. Mas eu levo em média 1h10 para chegar na Konduto vindo de outro município. E tem muita gente que leva mais que isso morando em São Paulo. Gosto de lá e se um dia saísse acho que não viria para São Paulo, e sim para alguma cidade do ABC”.
  • A Camila gosta muito de ler. Principalmente se o livro é do Harry Potter. Potterhead de carteirinha, ela tem inclusive uma tatuagem das relíquias da morte.
  • A Camila também já teve banda e participava de muitos ensaios. “Fazia vocal gutural, aqueles de rocks mais pesados, como Slipknot e Sepultura. Mas depois que casei dei uma parada”, conta a office manager, que é uma das mais afinadas quando rola karaokê aqui nos happy hours da empresa.
  • Falamos em casamento, então vale um parágrafo para contar que a Camila é casada desde 2014 com o Denis. Se contar todo o relacionamento, já são 11 anos juntos. Será que o marido divide os mesmos gostos dela? “Bom, o Denis acha Harry Potter um saco, mas gosta muito de rock e adora ir comigo aos shows”.
  • A Camila também se define como “crazy cat lady”. Ao todo, são quatro gatos: Perseu, Jerusa, Dalila e Jasão. Ah, e ela também tem uma tatuagem de gato no braço. “Amo gatos. Informalmente, tenho oito. Sei de quatro gatos que vão lá na minha casa só para comer e eu acabo dando comida também”.

  • No aniversário de 27 anos da Camila, amigos e familiares dela decidiram fazer uma festa surpresa. Só que não deu muito certo. “A avó do Denis desconfiou de alguma movimentação, virou para mim e disse: fia, acho que vão fazer uma surpresa para alguém. Quem será que vai fazer aniversário? Eu respondi: nossa, será que vai ter mesmo? Bem, acabou que teve a festa. Durante a festa, ela sentou comigo e falou: fia, era para você! Até hoje a gente dá risada disso”.
  • Fantasiada de Lady Gaga, Camila conquistou o terceiro lugar no concurso de fantasias da Konduto no Halloween de 2019.

Por último, Camila, deixa uma frase inspiradora pros nossos leitores!

Um pensamento que eu levo para a vida é nunca se arrepender de nada. Nem daquilo que fiz e nem daquilo que eu não fiz. Tudo tem que ser feito com a verdade, com aquilo que é verdadeiro para você e que te faça sentido. Acho que assim você acaba tendo uma vida mais leve e em paz com seus anseios.

Você já assina a newsletter da Konduto?

Eduardo Carneiro

Autor Eduardo Carneiro

Eduardo é jornalista formado pela Cásper Líbero e trabalhou em sites como Gazeta Esportiva, Terra e UOL ao longo da carreira. Na Konduto desde junho de 2019, escreve sobre as novidades do mundo da fraude e arrisca imitações de celebridades.

Mais posts de Eduardo Carneiro